O povo venezuelano triunfou nas eleições legislativas

O povo venezuelano foi às urnas no último domingo, 6 de dezembro, em eleições legislativas para a renovação da Assembleia Nacional, o parlamento unicameral do país bolivariano. Os partidos que apoiam a Revolução Bolivariana, iniciada pelo comandante Hugo Chávez em 1998 e hoje liderada pelo presidente Nicolás Maduro, alcançaram cerca de 70 por cento dos votos, conquistando uma esmagadora vitória eleitoral e política. 

Este triunfo das forças democráticas, populares e patrióticas venezuelanas abre caminho para levar adiante novas realizações em todos os terrenos, em benefício da população. A partir de agora, abre-se para a Venezuela a possibilidade de restaurar a paz e a estabilidade danificadas pela extrema-direita local apoiada pelo imperialismo estadunidense e outras potências.

O resultado eleitoral amplamente favorável à Revolução Bolivariana constitui um triunfo da democracia participativa, em que o povo decide democrática e soberanamente sobre o seu destino. 

Esta vitória foi alcançada em um contexto especialmente difícil, marcado por uma ofensiva brutal do imperialismo estadunidense e seus lacaios da extrema-direita local, que ao boicotar o processo eleitoral revelaram mais uma vez a sua natureza antidemocrática. O momento eleitoral foi marcado também por uma realidade socioeconômica complexa, resultante do bloqueio econômico promovido pelo mesmo imperialismo e as mesmas oligarquias locais.  

Na continuidade de seus esforços para aniquilar a soberania nacional e os direitos do povo venezuelano, essas mesmas forças dizem não reconhecer o resultado das eleições. O secretário de Estado norte-americano disse tratar-se de uma “farsa” e uma “fraude”. Governos subservientes ao imperialismo e que atuam como inimigos da América Latina, como os de Bolsonaro, Iván Duque (Colômbia) e outros do chamado Grupo de Lima repetiram essas expressões demonstrando mais uma vez sua posição avessa à democracia e à soberania nacional. 

O Cebrapaz – Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz congratula-se com o povo venezuelano, seu governo, o presidente Nicolás Maduro e as forças que apoiam a Revolução Bolivarana, vitoriosas nas eleições legislativas de 6 de dezembro. Fazemos votos de que a nova Assembleia Nacional realize as aspirações do povo irmão venezuelano. 

São Paulo, 7 de dezembro de 2020
A Direção Nacional do Cebrapaz – Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz