Cebrapaz realiza Assembleia em grande unidade; Jamil Murad é eleito presidente

[Pulse aquí para leer en español] [Click here to read in English]

A 5a Assembleia Nacional do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz), realizada em Salvador, Bahia, em 7 de dezembro, contou com 70 delegados de 11 núcleos estaduais (Amapá, Bahia, Distrito Federal, Ceará, Minas Gerais, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo) e elegeu por aclamação a nova direção nacional. Foram eleitos, como presidente, Jamil Murad, vice-presidente, Wevergton Brito e secretário-geral,  José Reinaldo Carvalho.

Jamil sucede no comando do Cebrapaz o companheiro Antônio Barreto, que continua compondo a Direção Executiva. Ao final da matéria a lista completa da nova direção.

Os delegados e delegadas foram recepcionados na manhã do dia 7 com uma feijoada e uma performance do artista Tiago Poeta, no teatro Raul Seixas, do Sindicato dos Bancários, entidade anfitriã da 5a Assembleia. A diretora cultural do Sindicato, Alda Valéria, deu as boas vindas aos ativistas brasileiros pela paz mundial.

Os trabalhos foram iniciados pela tarde, com um ato político. A mesa foi composta por Milena Caridad Zaldivar Piedra, cônsul-geral de Cuba em Salvador; Ana Prestes, representando o Comitê Central do PCdoB; Antonio Barreto, presidente da direção cessante do Cebrapaz; Aurino Pedreira, Diretor de Relações Internacionais da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil na Bahia; Jamil Murad, conselheiro consultivo da direção cessante; José Reinaldo, diretor de Pesquisa da direção cessante; Jussara Cony, vice-presidenta da direção cessante; Maria Ivone Souza, presidenta da Associação Cultural José Martí na Bahia; Socorro Gomes, presidente do Conselho Mundial da Paz; e Wevergton Brito, secretário-geral da direção cessante do Cebrapaz.

Luta pela Paz

Socorro Gomes resgatou a história de fundação do CMP, que completa, em 2019, 70 anos. Ivone Souza saudou as delegações estaduais em nome dos ativistas da Bahia. José Reinaldo fez uma intervenção sobre o caráter do Cebrapaz, entidade de luta pela paz mundial, de solidariedade aos povos e anti-imperialista, defendendo que este caráter seja mantido e reforçado.

Aurino Pedreira relacionou a importância de a discussão internacional ganhar corpo entre os trabalhadores como instrumento da elevação da consciência política e Ana Prestes lembrou do compromisso dos comunistas com o internacionalismo, ressaltando a importância da atividade do Cebrapaz.

A cônsul-geral de Cuba, Milena Piedra, agradeceu a constante solidariedade do Cebrapaz ao povo cubano e relatou o grave acirramento do cerco promovido pelo governo de Donald Trump contra a heroica ilha caribenha, o que dá ainda maior relevo à defesa de Cuba.

Jamil Murad agradeceu a indicação de seu nome para presidente do Cebrapaz e disse que, se eleito, como aconteceu, contaria com o concurso de todos os demais membros da nova Direção.

Reforço do Cebrapaz

Desfeita a mesa de abertura, iniciou-se o debate sobre a Proposta de Resolução Política e a Proposta de nova direção, na mesa coordenada por Antonio Barreto, Wevergton Brito e Jussara Cony. Coube a Wevergton Brito a apresentação das teses e a Barreto a defesa da proposta da nominata.

Quinze companheiros e companheiras usaram dos sete minutos disponíveis e 62 propostas de emendas foram enviadas; apenas duas foram rejeitadas e uma foi acolhida parcialmente. Nenhuma das emendas apresentava contradição política ou de conteúdo com o texto, melhorando, dando maior precisão e aperfeiçoando a redação.

Tanto a proposta de resolução quanto a proposta de nova direção foram aprovadas por unanimidade pelo plenário. O relator da Comissão de Redação foi o conselheiro consultivo Caio Botelho.

Foram aprovadas ainda sete moções: Moção de apoio e solidariedade aos países e povos que lutam e resistem na América Latina e Caribe; Moção de Solidariedade a Cuba; Moção de Solidariedade ao Povo Palestino; Moção pela descolonização do Saara Ocidental e a libertação do povo saarauí; Moção de Apoio à República Árabe da Síria; Moção sobre as bases militares dos EUA e da OTAN; Moção de Solidariedade à Coreia Popular. Em breve publicaremos a íntegra da Resolução Política e de todas as moções.

Já como presidente eleito, Jamil Murad discursou fazendo um apelo a todos e todas pelo fortalecimento do Cebrapaz e disse estar confiante no crescimento da entidade e da militância internacionalista. Jamil também agradeceu ao ex-presidente Antonio Barreto, que, durante os debates, foi homenageado pela 5a Assembleia com uma placa entregue por Socorro Gomes.

70 anos do CMP70 anos do Conselho Mundial da Paz

A 5a Assembleia Nacional do Cebrapaz foi encerrada com a realização de um Ato-Festa em comemoração pelos 70 anos do Conselho Mundial da Paz (CMP), entidade histórica de luta anti-imperialista e anti-colonialista de que o Cebrapaz é membro. O evento ocorreu no teatro Raul Seixas, com show da banda Trilha Latina, bolos de aniversário e falas de Antonio Barreto, Jamil Murad e da presidenta do CMP, Socorro Gomes.

A presença de Milena Piedra, Cônsul-Geral de Cuba, e de outros membros do corpo consular da “maior da Antilhas”, foi significativa. Afinal, a 5a Assembleia Nacional do Cebrapaz reafirmou os inquebrantáveis compromissos da entidade com a paz, o internacionalismo e a solidariedade aos povos em luta, valores tão bem simbolizados pelos valentes representantes de Cuba socialista.

Sistema de Direção do Cebrapaz eleito para o Triênio 2019-2022

Diretoria Executiva:

Presidente: Jamil Murad

Vice-Presidente: Wevergton Brito Lima

Secretário Geral: José Reinaldo Carvalho

Diretor de Planejamento e Patrimônio: Sergio Benassi

Diretor de Pesquisas: Gustavo Guerreiro

Diretora de Comunicação: Moara Assis Crivelente

Diretor de Relações Sindicais: Antonio Barreto

Diretora de Intercâmbio com os Movimentos Sociais: Jussara Cony

Diretora de Cultura: Maria Pimentel

Diretor de Imigração: Raul Carrion

Diretoria Nacional:

Diretora no Estado do Amapá: Vivian Régia Bandeira da Silva

Diretor no Estado do Amazonas: Ricardo Ribeiro Chaves

Diretora no Estado da Bahia: Maria Ivone Santana Souza

Diretor do Distrito Federal: Sayid Marcos Tenório

Diretora no Estado do Ceará: Teresinha Braga Monte

Diretora no Estado do Espírito Santo: Mônica Santos

Diretor no Estado do Maranhão: Allan Kardec Filho

Diretora no Estado de Minas Gerais: Antonieta Shirlene Mateus

Diretor no Estado do Pará: Rodrigo Ferreira de Moraes

Diretor no Estado Paraná: Francisco Manoel de Assis França

Diretora no Estado do Piauí: Francisca Zelma Lima Cavalcante

Diretor no Estado do Rio de Janeiro: Marcos Costa

Diretor no Estado do Rio Grande do Sul: Diego Pautasso

Diretor no Estado de Sergipe: Durand Noronha Silva Junior

Diretor no Estado de São Paulo: Diego Pereira Nogueira

Conselho Fiscal:

Conselheira Fiscal: Maria José de Souza El Saad

Conselheira Fiscal: Simone Esterlina

Conselheira Fiscal: Heloísa da Silva Vieira

1º. Suplente do Conselho Fiscal: Jihad Abu Ali

2º. Suplente do Conselho Fiscal: Pâmela Martins

Conselho Consultivo:

Conselheiro Consultivo: Adilson Araújo

Conselheiro Consultivo: Caio Botelho

Conselheiro Consultivo: Gilson Luiz Reis

Conselheiro Consultivo: Hélio de Mattos Alves

Conselheira Consultiva: Madalena Guasco Peixoto

Conselheiro Consultivo: Marcelo Pereira Fernandes

Conselheira Consultiva:  Marcionila Fernandes

Conselheira Consultiva: Socorro Gomes

Conselheira Consultiva: Rita Matos Coitinho

Conselheiro Consultivo: Thomas de Toledo