Manifestantes protestam contra a demora de Obama para fechar Guantánamo

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assinou, no final da semana passada, um projeto de lei que inclui uma medida proibindo que suspeitos presos na base militar de Guantánamo sejam transferidos ao país para julgamento. A medida é um golpe nas promessas de campanha de Obama de fechar o complexo prisional e julgar os detidos em tribunais federais.

"Apesar de minha forte objeção a essas determinações, às quais meu governo tem se oposto de forma consistente, assinei essa medida por causa da importância de autorizar recursos para, entre outras coisas, nossas atividades militares em 2011", disse Obama em comunicado. Segundo ele, a medida é um desafio "perigoso e sem precedentes" para o Executivo.

As medidas provocaram um protesto de diversos manifestantes em Londres nesta quarta-feira (12). A seção espanhola da Anistia Internacional também ressaltou que, nove anos depois das primeiras transferências à base de Guantánamo, 173 pessoas seguem presas nessas instalações americanas, "a maioria sem acusações ou julgamentos".

O projeto de lei defendido por Obama inclui medidas que impedem que recursos sejam usados para transferir suspeitos da prisão de Guantánamo, em Cuba, para os Estados Unidos. Também restringe o uso de certos recursos para enviá-los a outros países, a menos que condições específicas sejam atendidas.

As medidas também resultaram em protestos nesta terça-feira, em Washington. Um grupo de quase duas centenas de ativisas anti-tortura realizou uma manifestação contra a prisão. O protesto foi efetuado em frente à Casa Branca, com a intenção de sensibilizar Obama a cumprir o prometido durante a sua campanha para as presidenciais: encerrar a base.

Com agências

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s