Conselho Mundial da Paz condena agressão de Israel contra os palestinos

O Conselho Mundial da Paz expressa sua revolta contra o contínuo bombardeio da Faixa de Gaza palestina pelas forças israelenses de ocupação, que já resultou em mais de 100 mortes e centenas de feridos, majoritariamente civis e inclusive crianças.

Condenamos o ataque brutal e assassino da Força Aérea Israelense contra o povo palestino, que tem como objetivo a punição coletiva de um povo que luta por seu direito inalienável a um Estado independente, com a motivação óbvia de obstruir qualquer forma de negociações e acordo de paz na ocupação que já dura décadas.

Denunciamos ainda o recente aumento de todas as formas de intimidação e prisões na Cisjordânia e em Jerusalém Oriental palestinas, contra os cidadãos palestinos.

A política agressiva do regime de ocupação de Israel, a contínua colonização e demolição de casas e o muro de separação na Cisjordânia estão sendo totalmente respaldados pelos Estados Unidos e pela União Europeia, que estão igualando vítimas e agressores. Isso constitui uma cumplicidade criminosa no lento genocídio do povo palestino.

Apoiamos o direito do povo palestino à resistência contra a ocupação em seus territórios e exigimos o fim de todos os tipos de ataques do Exército israelense.

A paz e a estabilidade na região só podem ser alcançadas com o estabelecimento e reconhecimento de um Estado da Palestina independente, dentro das fronteiras de 1967, com Jerusalém Oriental como a sua capital.

O CMP condena todos os esforços para dividir o povo e o território palestino e exige a libertação de todos os prisioneiros políticos palestinos das prisões israelenses, assim como o direito ao retorno dos refugiados palestinos a suas terras, de acordo com a resolução 194 das Nações Unidas.
Urgimos todos os membros e amigos do CMP a tomarem iniciativas para protestar contra a agressividade israelense e para expressar solidariedade ao povo palestino, assim como às forças amantes da paz dentro de Israel.

O massacre do povo palestino deve parar agora!

Secretariado do CMP, 11 de julho de 2014

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s